Entretenimento

Nem Tudo o Tempo Levou

Nem tudo o tempo levou
Loraine Eira
Escrito por Loraine Eira

O Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa estreia, no próximo dia 14 de Fevereiro, às 21h30, um ciclo de representações de “Nem Tudo o Tempo Levou”, uma comovente história de uma família e da sua forma de lidar com a demência de um dos seus membros.

O texto original de Sandra Leal revela como uma avó, a sua filha e neta lidam com uma doença que rouba, sem perdão, sentimentos e memórias. A peça distingue-se, ainda, pela participação especial de Carla Andrino.

Três gerações, a avó, Dona Maria (Carla Andrino), a filha, Lídia (Joana Leal) e a neta, Sofia (Andreia Valles). Três mulheres que aprendem a viver diariamente com o Alzheimer que entrou na sua casa sem pedir autorização. Juntas, vão perceber como é possível salvaguardar a dignidade de um doente com demência, ao mesmo tempo que mostram ao público como elas próprias enfrentam tamanha adversidade.

“Nem Tudo o Tempo Levou” leva ao palco do Auditório dos Oceanos Casino Lisboa uma passagem pelo tempo e pela imprevisibilidade da demência num espectáculo que prova como todos os membros da família são essenciais num momento com tamanha complexidade e como o amor consegue enfrentar qualquer batalha. “Nem Tudo o Tempo Levou” é um espectáculo sobre a maneira como escolhemos viver e convida o espectador a um balanço.

“De entre as dezenas de personagens que já interpretei, e com o devido respeito a todas elas por terem feito de mim a mulher e actriz que hoje sou, a Avó Maria é, provavelmente, a personagem da minha VIDA”, faz questão de partilhar Carla Andrino com a dedicação que lhe é característica.

A peça, com texto original de Sandra Leal e música de Simon Wadsworth e António Leal, conta ainda com Pedro Pernas, Hugo Rendas e Rafael Pina no elenco principal. A estes, juntam-se Constança Correia e Rodrigo Matias, alunos da Contracanto, que interpretarão, respectivamente, as personagens de Sofia e André na adolescência.

Ficha artística e técnica
  • Elenco: Carla Andrino, Pedro Pernas, Hugo Rendas, Joana Leal, Andreia Valles, Rafael Pina e os muito jovens Constança Correia e Rodrigo Matias.
  • Músicos: António Palma (piano), João Gentil/Inês Vaz (acordeão), Diogo Martins (violoncelo), Leandro Teixeira (percussão).
  • Texto Original: Sandra Leal​
  • Música Original: Simon Wadsworth e António Leal
  • Direcção Musical: Simon Wadsworth​
  • Concepção, Encenação e Direcção Artística: António Leal
  • Cenografia: Paulo Cruz e Nélida Cruz
  • Desenho de Som: Rui Pereira
  • Desenho de Luz: António Queirós​
  • Grafismo: Ricardo Almeida.
Bilhetes
  • De 14 de Fevereiro a 3 de Março, “Nem Tudo o Tempo Levou”.
  • Os espectáculos decorrem às Sextas e Sábados, às 21h30. Aos Domingos também às 17h00. M/6
  • Preço: 1ª plateia – 18€ / 2ª plateia – 15€
  • Ticketline: www.ticketline.pt
  • Informações e reservas: Info & Reservas ligue 1820 (24h).

O acesso ao Casino Lisboa é livre, sendo que a partir das 22 horas, é para maiores de 14 anos, e maiores de 10 anos acompanhados pelos pais. Nas áreas de Jogo é para maiores de 18 anos.

Até mais!

Confira mais vídeos no nosso Canal do Youtube

Gostaria de nos acrescentar alguma informação ou nos alertar quanto a algum possível erro? Envie um e-mail a contato@o-tuga.com | Conteúdo e Imagem via Casino.o-tuga-assessoria-em-portugal

Comentários

comentários

Sobre o autor

Loraine Eira

Loraine Eira

Fundadora do O-TUGA, é colecionadora de carimbos no passaporte e de fotografias. Se apaixonou por Dublin em seu intercâmbio em 2014 mas escolheu a terra dos tugas para criar raízes em 2015. Definitivamente, uma paulistana que resolveu deixar São Paulo para descobrir o mundo!!!